Como se livrar das dividas e poupar dinheiro neste ano? Veja nosso guia absolutamente completo

Muita gente fica sem saber o que fazer com aquele dinheiro que sobra no final do mês. Alguns vão guardar, outros gastar e uma grande parcela precisa administrar ou investir. Mas como assim administrar? Como se livrar das dividas e poupar dinheiro com esse recurso extra?

Sim, alguns terão que escolher o que pagar, ou o que colocar em dia, liquidar um empréstimo ou ajustar seu orçamento. Apesar de falarmos um pouco sobre os três cenários, direcionamos esse texto aos que precisam de uma ajudinha para administrar suas contas e seus compromissos.

COMO GUARDAR DINHEIRO?

Para quem quer guardar, a sugestão é fazer investimentos de acordo com o seu perfil. Se você não se sente à vontade para fazer sozinho suas aplicações, procure orientação sobre as opções mais adequadas aos seus objetivos financeiros. E parabéns, pois uma pequena minoria chega nesse período do ano e pode fazer aplicações.

COMO GASTAR MENOS?

Para quem vai gastar, a dica é procurar o bom senso e a real necessidade do que vai comprar. Se conseguir separar uma parte para guardar, é uma boa pedida. Nossa sociedade incentiva o consumo e não o acúmulo. Para não dizer que vai fazer um ou outro, o melhor é equilibrar e fazer os dois! Experimente o prazer de ter dinheiro guardado e poder fazer suas compras com maior poder de barganha e ainda, se planejar para o futuro!

COMO ADMINISTRAR MEU DINHEIRO?

como se livrar das dividas e poupar dinheiro

Claro que todos precisam administrar, mas aqui falamos sobre seus compromissos, como se livrar das dividas e poupar dinheiro de forma correta! Quais ajustes necessários para manter sua vida financeira equilibrada nesse momento oportuno? Como administrar e investir esse salário quando se tem dividas?

Reflita. Se você tem dividas e compromissos vencidos, gastou mais do que devia. E não é porque recebeu mais dinheiro nesse período que pode fazer mais compromissos. Entenda que essa é uma boa oportunidade de pegar um fôlego e resolver pendências financeiras. E não, fazer mais dividas!

Quando recebemos um valor a mais, normalmente ficamos com o sentimento de poder. Achamos que somos fortes e que aguentamos inclusive “pequenos” deslizes financeiros. Não deixe que a felicidade de hoje se transforme na tristeza de amanhã. Para isso, você deve se estruturar e seguir um plano de ação.

O dinheiro não é a coisa mais importante da vida, mas afeta todas as que são, disse Robert Kyosaki. E isso é verdade. Nossa situação financeira influencia em todas as outras áreas. Como você espera ser produtivo, feliz e satisfeito no trabalho se os credores viverem te ligando, mandando mensagem, e te encontrando em todos os lugares? Como você leva sua família para jantar sabendo que seu cartão está estourado?

Esse é o momento ideal para tomar algumas atitudes e rever decisões que a gente tem tomado. Não existe mágica, mas mudanças acontecem rápido e se realmente você se comprometer, vai ver o quanto valeu a pena ajustar suas finanças.

ENTENDI! AGORA O QUE FAZER?

Então, o que devemos fazer para utilizar esse dinheiro da melhor maneira? O que devemos pagar primeiro? Como fazer essa gestão? Por onde começar? Todas as respostas estão dentro de uma ideia principal: liberar capacidade de pagamento!

Para começar a agir precisamos conhecer nossas dívidas e compromissos em detalhe. Diante do que temos de contas a pagar, verificamos quanto temos de dinheiro disponível para utilização e aí sim construímos um plano de ação para ver o que vamos liquidar, amortizar ou antecipar uma divida.

Como se livrar das dividas e poupar dinheiro em abundância!

Agora, após saber como se livrar das dividas e poupar dinheiro, aprenda como utilizar esses recursos de forma inteligente. Que tal aproveitar para montar um orçamento e ver o que você pode diminuir de gastos? Você e sua família podem fazer mais com menos. Sim, é possível! Não corte todos os seus gastos achando que agora deve ser um escravo do dinheiro e que deve viver apenas para pagar contas. (BAIXE AQUI sua planilha de orçamento)

Use o dinheiro como ferramenta para ter momentos felizes e cheios de coisas boas, com você, sua família e seus amigos. Seja apenas consciente e controlado, afinal, muitas coisas boas da vida são de graça e não custam nada. Pense nisso!

Clique aqui e conheça mais 5 dicas infalíveis pra sair das dividas imediatamente.


Gostou do nosso artigo? Cadastre-se na nossa Newsletters ao lado e fique por dentro de todas as dicas e sacadas exclusivas.


CLIQUE no link abaixo e COMPARTILHE nosso conteúdo nas redes sociais! Ajude outros investidores!

Flavio Moura

Consultor Financeiro