Retorno Sobre o Investimento | De onde ele vêm e como diversificar o risco?

É a informação mais procurada no mundo dos investidores: de onde vêm o retorno sobre o investimento?

O retorno sobre o investimento pode ser definido como a recompensa que um investidor pode esperar pelo nível de risco que está disposto a assumir. Na verdade, a busca do retorno sobre investimento não é realmente uma busca pelo próprio retorno, mas sim a informação confiável que nos ajuda a entender o que a determina. A jornada começa na intersecção entre tecnologia e ciência financeira.

Graças à capacidade evolutiva da tecnologia de aproveitar enormes quantidades de dados, sabemos mais hoje do que nunca. Com tantas maneiras de avaliar qualquer empresa em particular, a questão é: quais os fatores que mais importam e que fornecem a evidência mais credível ao longo do tempo?

Nos últimos 60 anos aprendemos muito sobre fatores que influenciam o retorno sobre o investimento. Uma pesquisa recente mostrou que mais de 90% dos retornos de uma carteira diversificada podem ser explicados pela sua exposição ao mercado como um todo, ao tamanho relativo das empresas dentro da carteira e aos seus preços de mercado atuais em relação ao valor contábil de todos seus ativos.

De onde vêm o retorno sobre o investimento?

Vamos começar com uma premissa simples. Existem duas formas principais de investir em qualquer empresa cotada na bolsaComprar ações ou comprar dívidas (títulos).

Basicamente, ambos são empréstimos onde os investidores fornecem a uma empresa um capital. Seu incentivo reside na crença de que um retorno sobre o investimento é provável.

Exposição ao mercado: Comprar Ações ou Títulos?

Então, porque as ações são mais arriscadas do que os títulos? Os detentores de títulos possuem reivindicações prioritárias na dissolução das ações. Tudo o que significa é se uma empresa quebrar, os titulares de títulos são pagos em primeiro lugar. O restante que sobrar fica com os detentores das ações.

Esta é a razão geralmente aceita do por que as ações são mais arriscadas do que obrigações. Além disso, é também a razão pela qual os investidores devem exigir uma maior recompensa potencial para investir neles. Ao longo da história dos mercados de capitais, as ações coletivamente superaram os títulos.

Exposição as ações de Small Caps

Investir no mercado de ações é razoável para a maioria dos investidores se eles estão dispostos a aceitar a troca de risco vs retorno. Agora, que tipos específicos de empresas exibem maiores níveis de risco?

Considere o seguinte cenário: Duas empresas – Cafezinho da Esquina e Starbucks vão ao banco. Ambss gostariam de fazer o mesmo empréstimo. Se eu sou o proprietário do banco, qual empresa recebe a menor taxa de juros em seu empréstimo? Starbucks é claro! Eles têm um modelo de negócios de longa data com distribuição mundial e reconhecimento de marca tremenda. Cafezinho da Esquina é uma pequena operação de um homem que ninguém nunca ouviu falar num raio de 5 km.

Recompensa pelo Risco

É mais arriscado investir na companhia menor consequentemente. O banco deve exigir uma maior taxa de juros sobre o empréstimo da Cafezinho da Esquina. Os investidores têm de ser recompensados ​​por assumir o risco de investir em pequenas empresas vs grandes empresas.

Historicamente, o grupo coletivo de ações de pequenas empresas tem superado o grupo coletivo de ações de grandes empresas. Eles deviam, afinal, são mais arriscados.

Exposição as ações de valor

Em um extremo do espectro, há “empresas de crescimento”, vagamente definidas como empresas cujos ganhos cresceram mais rápido do que as outras e devem continuar neste ritmo.

Por outro lado , encontram- se “empresas de valor” , muitas vezes representadas como empresas deprimidas ou desfavorecidas cujo preço é baixo em relação ao patrimônio líquido real da empresa. Essas empresas de valor têm um preço deprimido porque eles apresentam maiores níveis de risco para a maioria dos investidores.

Esta incerteza requer compensação. Como um todo, o grupo coletivo de empresas de valor tem historicamente superado o grupo de empresas em crescimento. Eles deviam, afinal, eles são mais arriscadas.

Mas a diversificação ainda é importante! Uma carteira de investimentos diversificada pode eliminar o risco de uma determinada empresa, país, setor ou classe de ativos. Vale lembrar que não existe uma ação sem risco ou mesmo um investimento sem risco. No entanto, os mercados têm historicamente recompensado diferentes tipos de risco e, portanto, o risco ajuda a explicar o retorno sobre o investimento.

Como o retorno sobre um investimento e as informações são vinculadas

A busca por retorno sobre o investimento é a busca de informações em si. Infelizmente, nem todas as informações são credíveis. A indústria financeira apressa regularmente produtos ao mercado citando novas pesquisas sem compreender completamente sua validez.

Por esta razão, eu geralmente recomendo um nível saudável de ceticismo quando a próxima grande ideia de investimento aparece. Há uma boa chance de prejuízo, que já sabemos, não passando muitas vezes de um marketing atraente.

Clique aqui e saiba como calcular a taxa de retorno sobre o investimento, conhecido como ROI.


Gostou do nosso artigo? Seja um membro Financials cadastrando seu e-mail ao lado e receba nosso conteúdo exclusivo!


CLIQUE no link abaixo e COMPARTILHE o conteúdo Financials nas redes sociais! Ajude outros investidores a descobrir o retorno sobre o investimento e se tornar um investidor de sucesso!

Flavio Moura

Consultor Financeiro